Tentando aproximar a Ásia da América do Sul e vice-versa

Frutas Tropicais Brasileiras

6 de Março de 2013
Por: Paulo Yokota | Seção: Editoriais, Gastronomia, Notícias, webtown | Tags: , , ,

Muitas são as publicações que estão chamando a atenção para o aproveitamento das frutas tropicais brasileiras, que são consideradas as mais saborosas do mundo. Contando com um clima tropical, desde as umidades da Amazônia como os mais secos do Nordeste ou do Centro-Oeste, com elevadas insolações, as frutas acabam ficando saborosas, quando comparados com concorrentes internacionais como do Sudeste Asiático, prejudicadas com as monções que provocam precipitações de chuvas abundantes. O suplemento semanal Comida da Folha de S.Paulo é um exemplo, que as denominam frutas anônimas, muito perecíveis, selvagens e pouco conhecidas mesmo no Sudeste do país.

As formas dos seus aproveitamentos na gastronomia vão desde os sorvetes, bolos até pratos sofisticados criados por muitos chefs brasileiros e internacionais que se encantm com os seus sabores que acabam dando toques diferenciados, além de permitirem apresentações primorosas. Somente alguns exemplos foram apresentados, mas as possibilidades são infinitas. O que restringe ainda o seu uso generalizado é o seu fornecimento regular, que quando industrializado acaba se alterando em suas qualidades.

kazuPy

Muitas das frutas são de conhecimento generalizado, como o cajá, o açaí, caju, pitanga, fubá de milho, jabuticaba, maracujá, mas outras já contam com produções mais restritas como o cambuci, uvaia, bacuri e gruixama, que também possuem nomes diferentes dependendo da região no Brasil.

Dada à fragilidade de alguns produtos, acabam sendo aproveitados em sorvetes, ainda que nem sempre se consiga aproveitar os seus sabores originais. Mesmo produtos como açaí e pitanga acabam com sabores diferentes dos originais de diversas regiões brasileiras, que apresentam características diferenciadas.

Existem variados livros tratando destas frutas, sendo que algumas pesquisas continuam sendo efetuadas por entidades como a Embrapa para aumentar as suas produções, bem como as suas qualidades como a quantidade de polpa ou a produção de mudas. Evidentemente, quando cultivadas, por exemplo, nas proximidades de São Paulo, sofrem as diferenças de clima e solo.

Os chefs internacionais que têm visitado o Brasil, apesar de apreciarem os seus sabores, veem pequenas possibilidades de serem incorporadas na gastronomia global, pelas dificuldades dos seus fornecimentos regulares na forma original.

Mas, como as frutas, da ampla diversidade que pode ser encontrado no Brasil, algumas tentativas estão sendo efetuadas para atingir o mercado internacional inclusive com vegetais ou sementes. A curiosidade existente sobre o país acaba desenvolvendo interesses que acabarão encontrando formas para serem aproveitadas.

Os viajantes internacionais, principalmente os estrangeiros, acabam se maravilhando quando encontram estes produtos no Nordeste e mesmo no Sudeste. Os brasileiros que tiveram a oportunidade de conhecer os variados países do mundo também constatam que estas riquezas brasileiras encontram poucos concorrentes em todos os continentes.

Precisamos continuar nos esforçando para que as coisas brasileiras sejam mais bem conhecidas em todo o mundo.



Deixe aqui seu comentário

  • Seu nome (obrigatório):
  • Seu email (não será publicado) (obrigatório):
  • Seu site (se tiver):
  • Escreva seu comentário aqui: