Tentando aproximar a Ásia da América do Sul e vice-versa

Eleições nos Países Emergentes

3 de Abril de 2014
Por: Paulo Yokota | Seção: Economia, Editoriais, Notícias, Política | Tags: , , , ,

Diversos países emergentes considerados importantes devem passar por eleições neste ano e a revista The Economist ressalta o caso da Índia onde a democracia já é tradicional e Narendra Modi da oposição será, possivelmente, o novo primeiro-ministro, segundo pesquisas de opinião que indicam uma avassaladora vitória. 815 milhões de eleitores, entre eles muitos analfabetos e até alguns bilionários, passarão por um complexo sistema eleitoral em nove fases, que devem durar cinco semanas a partir de 7 de abril próximo. Depois de sua independência do Reino Unido, a Índia veio contando com sucessivos governos onde as famílias Gandhi e Nehru tinham importância. Mas o Partido do Congresso, que conta atualmente com a liderança quase divina de Rahul Gandhi, bisneto de Jawaharlal Nehru, o primeiro premiê da Índia, que não conta com muito apetite e está desgastado com a corrupção estimada em subornos que vão de US$ 4 a 12 bilhões entre seus colegionários.

Narendra Modi é o líder do Partido Bharativa Janata, tendo o ministro chefe de Gujarat, uma província que conseguiu um desenvolvimento invejável, sendo considerado um político limpo. Esta região passou por problemas étnicos entre nacionalistas indianos e muçulmanos que provocaram muitas mortes. Isto tradicionalmente vem gerando dificuldades da Índia com o vizinho Paquistão que ficou dividido quando da independência do Reino Unido, por causa do problema étnico-religioso. Investigações efetuadas pela respeitável Suprema Corte indiana não provaram nenhuma culpa de Modi. Ele é apoiado por um grande número de empresários, e afirma-se que ele mudou, além de contar com o apoio de muçulmanos pobres. Sua ascensão ao poder nacional é uma mudança significativa para a Índia.

narendra-modi

Narendra Modi

A Índia é o país que conta com a segunda população do mundo, extremamente pobre do ponto de vista da renda per capita. Mas vinha acusando um crescimento significativo que se reduziu nos últimos anos. Muitos investidores estrangeiros consideram que o potencial para o crescimento do mercado da Índia é elevado, que conta com alguns grupos de importância mundial como a Acelor Mittal, a maior do mundo em siderurgia, com importante unidade também no Brasil.

A revista The Economist ainda conta com dúvidas sobre Modi, mas, no caso de confirmação de sua vitória, torce para que ele consiga superar as dificuldades apontadas, pois os ingleses, principalmente, possuem uma forte relação com a antiga colônia, Índia, que apresenta todas as complexidades imagináveis, mas muitos de sua elite receberam educação nas melhores universidades do Reino Unido, como Oxford e Cambridge.

Muitos imigrantes indianos residem com seus descendentes no Reino Unido, que também herdou contribuições culturais da Índia, inclusive na melhoria da sua culinária, além de contar com o fornecimento de chá e diversos temperos daquela parte do mundo.

Outros países de importância no mundo, como a Indonésia, o Brasil e a Hungria, também passam por eleições que podem resultar em mudanças relevantes no cenário internacional, mas não há indicações que sejam tão significativas como na Índia.



Deixe aqui seu comentário

  • Seu nome (obrigatório):
  • Seu email (não será publicado) (obrigatório):
  • Seu site (se tiver):
  • Escreva seu comentário aqui: