Tentando aproximar a Ásia da América do Sul e vice-versa

Macarrão Instantâneo Saudável

10 de Fevereiro de 2016
Por: Paulo Yokota | Seção: Economia, Editoriais e Notícias, Gastronomia | Tags: , ,

clip_image002Mesmo multinacionais de nomes consagrados nem sempre são éticos quando se trata de produtos alimentícios de largo consumo, mas a Nestlé indiana está se ajustando para competir com produtores locais.

Foto do guru Baba Ramdev, que comanda a produção de macarrão instantâneo todo natural, quando da campanha eleitoral de Narenda Modi, atual primeiro-ministro da Índia.

É surpreendente que multinacionais de nomes consagrados insistam em apresentar produtos alimentícios não saudáveis, apesar de esperar-se que eles tenham comportamentos éticos acima dos seus interesses comerciais. A Nestlé indiana voltou a lançar produtos que considera saudáveis no mercado da Índia, competindo com grupos locais, como o comandado pelo guru Baba Ramdev, cujo macarrão instantâneo é todo natural.

Lamentavelmente, todos sabem que refrigerantes não adequados à saúde ou lanches que apresentam problemas quando consumidos em grande quantidade só mudam suas orientações procurando trabalhar com produtos mais saudáveis quando pressionados pelas autoridades.

Na Índia, a Nestlé foi obrigada a suspender a venda do seu macarrão instantâneo Maggi que conteria glutamato de monossódico como alguns produtos de origem japonesa. Agora lançam produtos considerados saudáveis, concorrendo com os locais como os produzidos pelo guru Baba Ramdev, considerado um líder de ioga, que seriam todo natural.

Estes produtos populares estão com as demandas crescentes, pois podem ser preparados rapidamente quando os recursos humanos femininos também estão aumentando no mercado. Eles usam também atualizados sistemas de vendas pela internet. Existem também outros produtores locais, mostrando que os interesses comerciais também estão utilizando estas regulamentações de produtos alimentícios.



Deixe aqui seu comentário

  • Seu nome (obrigatório):
  • Seu email (não será publicado) (obrigatório):
  • Seu site (se tiver):
  • Escreva seu comentário aqui: