Tentando aproximar a Ásia da América do Sul e vice-versa

Uso do Tabaco Para a Produção de Vacinas Contra a Gripe

23 de Fevereiro de 2016
Por: Paulo Yokota | Seção: Editoriais e Notícias, Saúde | Tags: , ,

clip_image002As vacinas tradicionais contra a gripe são produzidas com vírus transformados em inativos, utilizando-se ovos de galinha. Os canadenses da Medicago conseguiram um produto mais barato e rápido de ser produzido composto de folhas de tabaco a ser utilizado pela Mitsubishi Tanabe Pharma, que absorveu a empresa Medicago.

As vacinas da gripe são atualmente produzidas utilizando ovos de galinha

A nova tecnologia de produção de vacinas da gripe utilizando folhas de tabaco permite uma fabricação mais rápida e barata destas vacinas quando comparadas com as atuais. Como se sabe, os vírus da gripe passam por mutações rápidas, e todos os anos as vacinas são renovadas utilizando os vírus inativos das gripes que foram constatadas no ano anterior. Portanto, a velocidade da produção das novas vacinas é relevante e como é de uso em grandes quantidades no mundo, normalmente fornecido gratuitamente pelos governos, o seu custo é importante. Os japoneses estão se envolvendo para poder produzi-las, começando nos Estados Unidos, utilizando as folhas de tabaco.

O domínio destas tecnologias é relevante pela proliferação de novos vírus, como os do Zika. A Mitsubishi Tanabe Pharma mantém uma parceria com o Instituto de Pesquisa da Universidade de Osaka para a produção de vacinas. A fabricação comercial está prevista para 2018 ou 2019. Os ensaios clínicos já estão sendo feitos com a gripe aviária e o H7, com estas vacinas elaboradas com o uso da folha de tabaco.

O presidente da empresa japonesa, Masayuki Mitsuba, informa que a produção começará nos Estados Unidos e para ganhar escala sua prioridade são os países asiáticos, cujas populações são gigantescas.

Espera-se que estas vacinas se tornem disponíveis para o mundo todo, para que latino-americanos também possam usufruir do seu uso.



Deixe aqui seu comentário

  • Seu nome (obrigatório):
  • Seu email (não será publicado) (obrigatório):
  • Seu site (se tiver):
  • Escreva seu comentário aqui: