Tentando aproximar a Ásia da América do Sul e vice-versa

Recuperação do Futebol Brasileiro

3 de Abril de 2017
Por: Paulo Yokota | Seção: Editoriais e Notícias | Tags: , ,

imageSou um dos 100 milhões de brasileiros que imaginam entender um pouco de futebol. Por um longo período, os brasileiros tinham perdido a confiança no futebol de sua seleção nacional, com os dirigentes duvidosos escolhendo técnicos e equipe de auxiliares sem as experiências necessárias. Hoje, depois de ser o primeiro país a conquistar o direito de participar da Copa do Mundo na Rússia, o povo canta: o campeão voltou… (O técnico da seleção brasileira, Tite, é uma das poucas unanimidades nacionais)

Com muita humildade, o técnico Tite preparou-se para desempenhar o papel de comandante da seleção brasileira depois de uma carreira vitoriosa nos clubes. A seleção nacional é o símbolo para o futebol dos brasileiros, ainda que seus melhores jogadores atuem no exterior. Tite não se trata de uma improvisação de técnico como o seu antecessor. Ele, depois das experiências vitoriosas em clubes, foi estudar na Europa o que existe de melhor e atual nesta modalidade esportiva. Hoje, o futebol da seleção conta com uma equipe que dentro das limitações dos calendários está quase pronta para a Copa do Mundo, só restando enfrentar, como treinamento, as seleções de países que não sejam sul-americanas com as quais disputou a classificação, o que deverá ocorrer no segundo semestre deste ano.

Existem analistas que apontam como qualidade de Tite a sua capacidade de ser amigo dos jogadores, motivar a equipe, conseguir uma atuação coletiva, comunicação constante com a equipe toda, evitar o sentimento de favoritismo e conseguir a confiança nos atletas que apresentam solidariedade mesmo quando estão contundidos.

image

Neymar Junior que considera estar no melhor momento de sua carreira

Os jogadores que podem ser selecionados contam com um preparo físico para atender ao calendário dos seus clubes e da seleção, sujeitos a viagens cansativas e pouco tempo de treino coletivo. Os especialistas neste esporte afirmam que são capazes de cumprir os seus compromissos, apesar das contusões físicas a que estão sempre sujeitos. Possuem uma capacidade de arranque como demonstrado não só pelo craque Neymar Junior, que ainda enfrenta os problemas legais e fiscais de sua transferência para o Barcelona que sempre preocupam a todos. Outros jogadores também estão demonstrando que são capazes de ataques rápidos, superando defesas compactas com passes rápidos.

Tostão, que além de ter sido um jogador de destaque costuma fazer os seus comentários tecnicamente abalizados, informa que, além de reter a bola por mais tempo do que os adversários, a seleção pratica um jogo de conjunto acrescentando a habilidade de drible dos adversários marcadores, o que não é muito utilizado em outros países, que os deixam em condições de tentar o gol ou sofrerem faltas na proximidade da área. Há que se admitir que os jogadores tenham preparo físico invejáveis, tanto que os gols nos jogos são mais frequentes na fase final das partidas, quando os adversários estão mais desgastados.

Ainda que na maioria das posições se conte com substitutos à altura, algumas figuras como Neymar Junior são difíceis de terem alternativas, como acontece com todos os jogadores excepcionais. A seleção brasileira já teve períodos que não contava com Pelé, mas ainda assim no seu conjunto conseguia vitórias expressivas. O ideal seria chegar a este ponto, ainda que seja pedir muito.



Deixe aqui seu comentário

  • Seu nome (obrigatório):
  • Seu email (não será publicado) (obrigatório):
  • Seu site (se tiver):
  • Escreva seu comentário aqui: