Tentando aproximar a Ásia da América do Sul e vice-versa

A “Longa Marcha” das Mulheres Chinesas

5 de fevereiro de 2010
Por: Naomi Doy | Seção: Cultura | Tags: , , ,

Na China, no fim do Império Manchu, enfrentando problemas de escassez e sobrevivência, as meninas eram mais propensas a sofrer infanticídios do que os meninos. Meninas nascidas em famílias de não intelectuais ou funcionários oficiais não recebiam nomes. Elas eram simplesmente chamadas “menina número um”, menina número dois”. O casamento de uma menina era arranjado, e jamais era uma união por amor: jovens não deviam se ver antes de se casarem, era vergonhoso apaixonar-se. Não que isso fosse proibido, mas porque jovens nunca deviam se expor a uma situação de “namoro”. Era imoral uma moça se encontrar a sós com um rapaz.

Leia o restante desse texto »


Poupança: Uma Questão de Cultura

4 de fevereiro de 2010
Por: Paulo Yokota | Seção: Cultura | Tags: , , , , ,

Muitos se espantam com as elevadas taxas de poupança dos asiáticos, questionando porque os sul-americanos não seguem o mesmo comportamento. Devem existir diversas razões, e algumas podem ser sugeridas.

Todos devem se lembrar das famosas fábulas de La Fontaine, entre elas “A cigarra e a formiga”. Muitos países asiáticos possuem um rigoroso inverno e quem não poupar durante o resto do ano corre um risco alto de passar por necessidades.

Leia o restante desse texto »


Esportes em Diferentes Culturas

4 de fevereiro de 2010
Por: Paulo Yokota | Seção: Cultura | Tags: , , ,

556098426_5c410105ce Mantenho a assinatura eletrônica de alguns jornais importantes da Ásia, que me enviam a notícia imediatamente quando algo de relevante acontece. Recebi nesta madrugada (que na Ásia já é fim de tarde) uma que abri imediatamente.

Percebi o quanto os esportes são diferentes, dependendo da cultura de um povo. A notícia, única, dizia que o grande campeão de sumô Asashoryu tinha anunciado o final de sua brilhante carreira de lutador. Saiu em um jornal de cunho econômico, político e empresarial.

Leia o restante desse texto »


Wild Swans: Three daughters of China

2 de fevereiro de 2010
Por: Naomi Doy | Seção: Livros e Filmes | Tags: , , ,

cisnes selvagens Este é um livro que satisfaz, no primeiro momento, a procura daqueles que buscam informações sobre a China. Neste livro, best seller mundial (Ed. Doubleday – Anchor Boorks, 1991), a professora Jung Chang evoca a história épica de três gerações de mulheres da sua família (inclusive ela própria), que testemunharam e viveram na pele a reviravolta política da China ao longo do século XX.

A avó de Jung Chang, Yu-fang, vendida como concubina para um poderoso general (war-lord) da Polícia de Beijing (Pequim), em 1924, consegue fugir da escravidão com sua filha bebê, Bao Qin De-hong, vivendo mil provações. De-hong (Cisne Selvagem) cresce durante a brutal ocupação japonesa (1931-1945), passando pela sangrenta guerra civil entre nacionalistas do Kuomingtang de Jiang Jieshi (Chang Kai-Check) e comunistas, até a ascensão de Mao Zedong (Mao Tsé- tung). Torna-se militante devotada da causa maoísta e, juntamente com seu marido, atinge posição destacada dentro do Partido Comunista, até ser denunciada, presa, torturada e execrada durante a Revolução Cultural (1966 – 1976).

Leia o restante desse texto »


O Homem que Engarrafava Nuvens

1 de fevereiro de 2010
Por: Paulo Yokota | Seção: Livros e Filmes | Tags: , , ,

convite-o-homem-que-engarrafava-nuvens-sp Este documentário de Lino Ferreira é imperdível para os que desejam conhecer uma parte importante do verdadeiro Brasil, referindo ao trabalho de Humberto Teixeira (1915-1979), principal parceiro de Luiz Gonzaga. O filme foi estimulado pela atriz Denise Dummont, que mora em Nova Iorque, filha do personagem central do documentário, que confessa que pouco o conhecia realmente, e fez as pesquisas para melhor avaliar sua obra e o seu pai.

Nascido na região do Cariri, no Ceará, perto de onde nasceu também Luiz Gonzaga, de quem é parceiro no clássico Asa Branca e a maioria dos baiões cantada por ele, Humberto Teixeira relata que suas raízes estão no seco sertão nordestino, onde ouvia os cantos do folclore regional. Foi para o Rio de Janeiro, expulso por uma das maiores secas que a região sofreu, formou-se advogado e deixou mais de 400 composições que atravessaram as fronteiras brasileiras. Entre elas Kalu, que ficou conhecida pela interpretação de Dalva de Oliveira, e foi composta em homenagem a quem foi uma de suas esposas.

Leia o restante desse texto »


As Mulheres Asiáticas

31 de janeiro de 2010
Por: Paulo Yokota | Seção: Cultura | Tags: , , , | 1 Comentário »

Oliveira Lima escreveu que as sogras japonesas são as mais terríveis no mundo. Certamente, no período Meiji, elas, praticamente, escravizavam muitas noras, que deixavam as casas dos pais e iam morar nas casas dos esposos, vivendo com a família dele.

Mas o conceito comum entre os ocidentais é que as mulheres, principalmente as japonesas, são submissas, andando atrás dos seus maridos, submetendo-se aos seus caprichos. Ledo engano, sem nenhum demérito a elas.

Leia o restante desse texto »


“Invictus” – Filme de Clint Eastwood Sobre Nelson Mandela

31 de janeiro de 2010
Por: Paulo Yokota | Seção: Livros e Filmes | Tags: , ,

invictus O que tem Nelson Mandela com a Ásia ou América do Sul? Ele é universal, Prêmio Nobel da Paz, e o filme trata do combate ao preconceito, reconciliação de um povo visando o seu futuro, com base no livro de John Carlin, Playing the Enemy Nelson Mandela, the Game That Change a Nation, utilizando dados históricos.

Apesar de ser o “azarão” da Rugby World Cup de 1995, a equipe da África do Sul, comandada pelo capitão François Pienaar (interpretado por Matt Damon), acaba conquistando o campeonato mundial, poucos anos depois da eleição de Nelson Mandela (interpretado pelo Morgan Freeman) como o primeiro presidente daquele país. A equipe sul-africana é de brancos, contando somente com um jogador negro, Eles estão temerosos do seu futuro. Mandela, apesar de nada entender deste esporte, sente que esta campanha pode ajudar a unificar os negros e os brancos, depois de derrubado o apartheid, preservando os símbolos que eram caros aos partidários da política anterior,

Leia o restante desse texto »


Para Compreender o Japão

22 de janeiro de 2010
Por: Paulo Yokota | Seção: Cultura | Tags: , , , , | 2 Comentários »

Por mais isentos que pretendamos ser, acabamos privilegiando os livros que ajudamos a divulgar. Entre os autores estrangeiros que escreveram sobre o Japão, acabamos destacando o brasileiro Oliveira Lima, que publicou “No Japão – Impressões da Terra e da Gente”, nos idos de 1903, e que continua sendo um dos que melhor entenderam a alma japonesa.

Ele foi um dos fundadores da Academia Brasileira de Letras, e trabalhou como diplomata no Japão antes do início da imigração dos japoneses para o Brasil. Ajudamos na publicação da terceira edição deste livro pela Toopbooks, publicada em 1997. Como ele trabalhou por toda a Europa e Estados Unidos, antes de ser enviado para o Japão tinha uma formidável bagagem para analisar o país em plena Era Meiji.

Leia o restante desse texto »


Estudos dos Países Asiáticos

22 de janeiro de 2010
Por: Paulo Yokota | Seção: Cultura, Livros e Filmes | Tags: , , , ,

Algumas pessoas me solicitam que recomende algumas bibliografias mais adequadas para conhecerem países asiáticos. É uma tarefa difícil, pois depende do nível de profundidade desejado pelo leitor, além delas serem vastas, exigindo opções, pois ninguém que conheço leu todas as que estão disponíveis.

Mas, lendo alguns autores considerados mais importantes, verifica-se que existem longas listas de recomendações das quais algumas podem ser selecionadas. Minha preferência é sempre pelos autores que viveram, mesmo por pouco tempo, nestes países e foram capazes de captar a alma de cada povo, ainda que isto implique numa generalização sempre perigosa. Ter conhecimento de outros povos, que sirvam de referência para comparações, é fundamental. Por exemplo, alguns autores ficam tão apaixonados por um povo que suas análises acabam ficando com acentuados vieses.

Leia o restante desse texto »


Turismo Diferenciado pelo Japão

22 de janeiro de 2010
Por: Paulo Yokota | Seção: Cultura | Tags: , , , ,

Os roteiros usuais podem ser obtidos em qualquer agência de turismo. Mas aqueles que desejam algo diferenciado podem precisar de algumas “dicas” baseadas na experiência de quem os fez, além dos usuais.

O que me fica na memória sobre o verdadeiro Japão é inicialmente Katsura Imperial Villa, nos arredores de Nara. É um palácio ainda em uso pela Família Imperial e, portanto, administrado pelo organismo que cuida dele e suas visitas são restritas. Precisam ser autorizadas com muita antecedência, pois a fila para tanto é longa, com preferência para os estrangeiros. Não me canso de admirar esta maravilha da melhor arquitetura japonesa em algumas visitas que fiz, e sua descrição detalhada está disponível num excelente livro em inglês.

Leia o restante desse texto »