Tentando aproximar a Ásia da América do Sul e vice-versa

Otimismo dos Empresários

26 de janeiro de 2010
Por: Paulo Yokota | Seção: Empresas | Tags: , , ,

Evidentemente, os índices de otimismo dos empresários industriais são somente um dos indicadores a serem considerados para a avaliação de uma economia. Mas, na medida em que a série mensal da CNI já vem sendo divulgada há 12 anos, ter atingido um recorde de 68,7, mostra uma tendência que deve ser levada em conta.

Principalmente porque é acompanhada pelo sentimento de muitos empresários asiáticos sobre a economia brasileira, que tomam iniciativas concretas para prospectar este mercado. Missões continuam sendo enviadas para o país, para verificar in loco, o que acontece, e quais as oportunidades que se apresentam.

Leia o restante desse texto »


Para Conhecer os Asiáticos

25 de janeiro de 2010
Por: Paulo Yokota | Seção: Empresas | Tags: , , ,

sun tzu Um dos livros mais vendidos em todo o mundo, inclusive no Brasil, é o pequeno “A Arte da Guerra”, de Sun Tzu. Para negociar com empresários, autoridades ou outras personalidades, todos sabem que é como as guerras, e as estratégias e táticas similares às ensinadas por este militar chinês, que viveu entre 544 e 496 AD, estão entre as mais recomendadas. É preciso, antes de tudo, conhecer-se o  máximo de si e dos interlocutores para se obter os sucessos desejados nas negociações, que devem deixar ambas as partes satisfeitas.

Muitos meios são utilizados na Ásia para esta finalidade. Os chineses costumam convidar gentilmente os estrangeiros para um turismo inicial, como uma visita às Muralhas da China, para relaxar da longa viagem que fizeram. Pode estar certo que o guia é um especialista em análise das personalidades das pessoas, procurando obter o máximo deste conhecimento estratégico.

Leia o restante desse texto »


Capitães Asiáticos da Indústria

25 de janeiro de 2010
Por: Paulo Yokota | Seção: Empresas | Tags: , , , , , | 2 Comentários »

Em qualquer economia, um fator fundamental para promover o desenvolvimento são os grandes empresários, que costumam ser chamados de “capitães de indústria”. No Japão, um se destacou como grande amigo do Brasil e foi primordial para o estabelecimento de um intercâmbio bilateral vigoroso. Chamava-se Toshiwo Doko e quando faleceu tinha a condecoração máxima de 27 países, inclusive o Cruzeiro do Sul no grau mais elevado.

Apesar de sua grande importância, era um homem simples, mas excepcional, com um comportamento pessoal que despertava a mais merecida admiração de todos que tiveram o privilégio de conviver com esta personalidade. Escovava o chão de sua casa e não permitia que o motorista o apanhasse quando ia trabalhar aos sábados, utilizando o metrô.

Leia o restante desse texto »


Jovens Preparados Para Comandos

23 de janeiro de 2010
Por: Paulo Yokota | Seção: Empresas | Tags: , ,

Recordo-me que o ministro Delfim Netto iniciou a sua gestão no Ministério da Fazenda com 38 anos de idade. Na Revolução Meiji, muitos ministros beiravam 25 anos. Os Prêmios Nobel, na sua maioria, tiveram os seus períodos mais criativos antes dos 30 anos. Os jovens de hoje estão mais preparados que as gerações anteriores, que sobrevivem com suas experiências. Não possuem mais a ousadia e a criatividade, salvo honrosas exceções.

O mundo globalizou-se e mudou completamente, e gerações de idosos empresários continuam atravancando a ascensão dos criativos e preparados jovens. Onde a gerontocracia vigora, como em alguns países asiáticos, perde-se o dinamismo que tinha no passado.

Leia o restante desse texto »


Importância do Futebol no Intercâmbio Mundial

23 de janeiro de 2010
Por: Paulo Yokota | Seção: Intercâmbios | Tags: , ,

O mundo reconhece oficialmente a importância dos esportes como forma de incrementar o intercâmbio entre países e regiões. Foi com o tênis de mesa que os Estados Unidos iniciaram o descongelamento com a China.

Fui testemunha que nas mais remotas regiões asiáticas o Brasil era conhecido pelo futebol até pelas pessoas mais simples. “Pelé, Pelé…” era a primeira reação quando eu informava que era um brasileiro, ainda que a cara não ajude…

Leia o restante desse texto »


Concorrência Para o Trem Rápido Brasileiro

23 de janeiro de 2010
Por: Paulo Yokota | Seção: Trem Rápido | Tags: , , ,

Entrevistas dadas pelas autoridades brasileiras do setor de transportes anunciam que as tarifas mais baixas e a menor solicitação de financiamentos locais devem ser os fatores relevantes para o julgamento do vencedor, que preencherem as demais condições exigidas pelo edital.

Se assim for, sem se examinar profundamente as outras condições, as chances dos chineses ficam atrás. A recente inauguração de uma linha de mais de mil quilômetros ficou com uma tarifa em torno de US$ 100,00 para os passageiros, e informa-se que eles dispensam o financiamento do BNDES, dispondo-se até a conceder um empréstimo adicional para custear o projeto.

Leia o restante desse texto »


Utilização da Maré na Ásia

21 de janeiro de 2010
Por: Paulo Yokota | Seção: Tecnologia | Tags: , , , , | 2 Comentários »

Informa-se que a força da maré vem sendo utilizada pela humanidade desde a mais remota Antiguidade, no mínimo para a pesca. Agora, a Coreia do Sul anuncia a implantação da maior usina mundial que utiliza a maré para a geração de energia elétrica.

Esta é uma boa nova, pois o Brasil tem as melhores condições para o seu aproveitamento, tecnologia já intensamente pesquisada em todo o mundo.

Leia o restante desse texto »


Interesses Japoneses no Lítio

21 de janeiro de 2010
Por: Paulo Yokota | Seção: Tecnologia | Tags: , , ,

Diversos grupos empresariais japoneses se mostram altamente interessados no fornecimento de lítios da América do Sul. Eles são competitivos na produção de baterias que utilizam metais provenientes deste minério.

Como apostam firmemente na expansão do mercado de automóveis flex fuel, de gasolina e energia elétrica, a utilização destas baterias deve crescer muito. Como o mundo vai utilizar mais energia solar, também estas baterias vão ser necessárias.

Leia o restante desse texto »


A China e o Resto do Mundo

20 de janeiro de 2010
Por: Paulo Yokota | Seção: Intercâmbios | Tags: , , , , | 2 Comentários »

Na análise sempre perspicaz do professor Antonio Delfim Netto, publicado hoje na sua coluna semanal na Folha de S.Paulo, sob o título “Até quando?”, ele relata o encontro do Obama com Hu Jintao, constatando que a China fingiu não ter ouvido a súplica para que deixasse flutuar o yuan livremente. Quem tem a assinatura da Folha pode acessar diretamente o site daquele jornal para obter a integra do artigo, e os que não o têm podem nos solicitar pelo email.

Todos sabem que o yuan extremamente desvalorizado provoca um desequilíbrio no comércio internacional mundial, gerando grandes superávits chineses com o resto do mundo, enquanto muitos países enfrentam substanciais déficits.

Leia o restante desse texto »


Importância do Tráfego Naval no Comércio

20 de janeiro de 2010
Por: Paulo Yokota | Seção: Intercâmbios | Tags: , | 2 Comentários »

Ainda os dados definitivos não foram publicados, e precisam ser examinados com cuidado, mas a ilustração que acompanha o artigo de Rafael Garcia, na Folha de S.Paulo de hoje, ainda que elaborado para aspectos ecológicos, é muito promissora para os que cuidam de intercâmbios.

Todos que atuam no comércio internacional sabem que as “praças” que indicam a frequência dos navios em determinados portos são cruciais para estas atividades. Os tráfegos de navios, principalmente os que transportam “contêiners” entre a Europa e os Estados Unidos, ou da Ásia para os Estados Unidos, e vice-versa, são intensos, enquanto a América do Sul fica um pouco fora das rotas internacionais, nos prejudicando.

Leia o restante desse texto »