Tentando aproximar a Ásia da América do Sul e vice-versa

Divulgado o Invejável Made in China 2025

20 de Maio de 2015
Por: Paulo Yokota | Seção: Economia e Política, Editoriais e Notícias | Tags: , , | 3 Comentários »

clip_image001Os chineses continuam utilizando a sua capacidade de planejamento governamental de longo prazo, divulgando o seu plano Made in China 2025, como uma primeira etapa de dez anos, para chegar em 2049 como a líder mundial em poder tecnológico.

Foto ilustrativa do salto em tecnologia da informática para o setor industrial na China publicada no artigo do Nikkei Asian Review

Leia o restante desse texto »


Crescentes Atritos Entre a China e o Resto do Mundo

23 de março de 2010
Por: Paulo Yokota | Seção: Editoriais | Tags: , , ,

A China insiste que necessita de um crescimento econômico mínimo de 8% ao ano a fim de criar os empregos necessários para a sua população, e mantém um câmbio desvalorizado, que melhora as condições para as suas exportações e dificulta as importações.

Isto dentro de um quadro em que o resto do mundo luta para recuperar-se da crise que abalou a maioria das economias industrializadas, emergentes e em desenvolvimento.

Leia o restante desse texto »


Desenvolvimento Tecnológico

2 de janeiro de 2010
Por: Paulo Yokota | Seção: Empresas | Tags: , , , , , , , , | 3 Comentários »

Para que ocorram intercâmbios eficientes entre empresas sul-americanas e asiáticas é preciso compreender como as tecnologias se desenvolvem em ambas as regiões. Elas costumam ocorrer de formas diferentes, e podem explicar parte dos comportamentos dos empresários de cada lado.

Vamos aproveitar o exemplo de numa visita de empresários do setor têxtil brasileiro a uma unidade fabril considerada a mais avançada do Japão, já há algum tempo. Como na maioria das empresas japonesas, o seu desenvolvimento tecnológico veio ocorrendo pelo acúmulo de muitas contribuições de todos os seus funcionários. Foi um trabalho coletivo interno, sem nenhum destaque individual. Pouca contribuição veio de fora, de indústrias similares de outros países, que os funcionários japoneses pouco conheciam.

Esta indústria conseguia um produto da mais alta qualidade, apesar de usar matérias-primas que os brasileiros não consideravam as melhores. Os visitantes verificaram que muitos equipamentos utilizados pelos japoneses tinham similares mais avançados na Suíça ou na Alemanha. O segredo dos nipônicos estava na manutenção do conjunto da planta industrial e no ponto de ajustamento dos equipamentos, conhecimentos acumulados por muitas equipes internas desta empresa ao longo do tempo, e transmitidas oralmente através de gerações entre seus funcionários.

Leia o restante desse texto »


Avanços na Comunicação Eletrônica

2 de janeiro de 2010
Por: Paulo Yokota | Seção: Notícias | Tags: ,

Sobre as inovações da Rádio Jovem Pan, todos sabemos que o Brasil optou pela tecnologia digital de alta definição nipo-brasileira, que permite o uso da chamada banda larga. Mas, vendo para o exterior informa-se que estamos mais atrasados que seis países sul-americanos neste setor. Ser goleado pela Argentina dói muito mais.

Quando em 1985 o Brasil participou da EXPO TSUKUBA no Japão, há mais de 24 anos passados, a TV dos apartamentos colocados à disposição dos representantes estrangeiros já contava com sistema que, com toques na tela do monitor, era possível optar por compras na loja de departamento ou no supermercado. Como o que se faz hoje nas caixas eletrônicas dos bancos, mas não podemos fazer nos nossos computadores, por ironia.

Leia o restante desse texto »