Tentando aproximar a Ásia da América do Sul e vice-versa

Estranha Tendência nos Suplementos Semanais Brasileiros

27 de julho de 2015
Por: Paulo Yokota | Seção: Cultura, Editoriais e Notícias | Tags: , , ,

clip_image001Devemos reconhecer que a crise econômica e as modificações tecnológicas estão impondo mudanças substanciais nos diversos meios de comunicação social, notadamente no Brasil, e na necessidade de economias registram-se algumas deteriorações nas suas qualidades, bem como redução nos seus tamanhos. No entanto, observa-se que o mesmo acontece no exterior, mas muitos jornais procuram preservar a qualidade dos suplementos semanais.

Uma capa passada do suplemento Eu & Fim de Semana, que parece ser uma exceção brasileira

Leia o restante desse texto »


Pesquisas e Inovações nos Países Emergentes

6 de março de 2013
Por: Paulo Yokota | Seção: Economia, Editoriais, Notícias, webtown | Tags: , , ,

Todos os analistas reconhecem que as pesquisas e inovações são fundamentais para acelerarem o desenvolvimento econômico. E os dados coletados pela Thomson Reuters são os mais utilizados para medir o que está acontecendo. Um artigo elaborado por Rafael Garcia, publicado na Folha de S.Paulo, relata os esforços que estão sendo efetuados pelos países emergentes, agrupando o Brasil, a Rússia, a Índia, a China e a Coreia do Sul, que são heterogêneos entre si. Informa-se que quase chegam a alcançar em conjunto os G7 (EUA, Reino Unido, França, Alemanha, Itália, Japão e Canadá) em patentes, mas os dados mais utilizados são as referências constatadas nos artigos científicos das principais revistas do mundo, que são poucas como o Science e Nature.

O artigo informa que a produção científica brasileira aumentou, mas o país ainda registra menos inovação do que outros emergentes. O que realmente interessa para o desenvolvimento são as patentes que permitem a produção mais eficiente de produtos, tanto para o mercado interno como voltado para a exportação. Ainda que o Brasil venha se destacando com artigos científicos sobre agricultura, zoologia e botânica, toxicologia e farmacologia, microbiologia e ambiente/ecologia, que são importantes, os coreanos e chineses se concentram nas tecnologias que permitem que seus produtos sejam crescentemente competitivos, inclusive com os desenvolvidos.

Nature-A-300x200scienceLogothompson_reuters_logo3

Leia o restante desse texto »