Tentando aproximar a Ásia da América do Sul e vice-versa

Competição de gigantes asiáticos

13 de Janeiro de 2010
Por: Paulo Yokota | Seção: Tecnologia | Tags: , , , , , ,

Noticia-se que com a fusão das japonesas Panasonic e a Sanyo planeja-se, para os próximos anos, uma forte competição com a Samsung coreana. O presidente da Panasonic, que esteve visitando o Brasil, não se conforma com o fato dos coreanos estarem sendo mais eficientes no marketing na América do Sul.

Há planos para a ampliação da produção de células solares. Sendo o novo grupo o maior fornecedor mundial de baterias de litium e de TV 3-D, ele está planejando instalar uma nova unidade na Índia para contar com custos mais baixos.

O que não se compreende é porque as autoridades sul-americanas são incapazes de proporcionar condições competitivas para a produção destes importantes componentes, a partir dos IC. Sabe-se que foram apresentados projetos e se cogita desta unidade há mais de 30 anos, mas continuamos importando todos estes componentes que são básicos para o desenvolvimento de uma indústria eletrônica decente para o futuro. De alguma forma, com forte suporte governamental para as pesquisas, e até financiamentos para a indústria nascente, há que se contar com unidades competitivas, como as que já tivemos no passado, ainda que exista capacidade ociosa no mercado internacional.

Não podemos continuar a ser meras montadoras nas zonas de livre comércio, só produzindo localmente as embalagens dos futuros produtos eletrônicos, importando os componentes básicos. Ou importando prontos, inclusive com as caixas de papelão, quando temos celuloses competitivas no mercado internacional.

Vai continuar havendo revoluções tecnológicas, em muitas frentes, considerando as condições para um desenvolvimento sustentável, respeitando o meio ambiente. Os aparelhos eletrônicos consumirão cada vez menos energia, que será gerada de forma limpa.



Deixe aqui seu comentário

  • Seu nome (obrigatório):
  • Seu email (não será publicado) (obrigatório):
  • Seu site (se tiver):
  • Escreva seu comentário aqui: