Tentando aproximar a Ásia da América do Sul e vice-versa

Toyota Continua Errando

24 de Fevereiro de 2010
Por: Paulo Yokota | Seção: Empresas | Tags: , , , , | 2 Comentários »

O anúncio antecipado do depoimento do presidente da Toyota no Congresso Norte-Americano é uma grande falta de respeito aos parlamentares daquele país. Mostra que o comando da empresa japonesa continua desorientado, desajustado com os costumes dos países estrangeiros.

O depoimento é burocrático, mostrando que não existe um gesto à altura dos problemas que enfrenta, sem a consciência que já não se trata da Toyota, mas da imagem do Japão e de sua indústria em todo o mundo.

Realmente, como começa a aparecer até na imprensa japonesa, parece que o atual presidente não é um líder capaz de conduzir a Toyota no processo de superação das suas responsabilidades. Se ele se declara responsável, deve assumir as mortes que provocou.

A Toyota faltou com a verdade nos primeiros depoimentos às autoridades e à opinião pública mundial, atribuindo a problemas menores com o acelerador, quando sabiam das muitas reclamações há muito tempo. Foram totalmente incompetentes para decidir sobre o “recall” e pagarão muito caro por isto. Mas, acima dos prejuízos financeiros, existe uma responsabilidade moral muito maior.

O orgulho da Toyota é o grande problema, e não será uma simples decisão da mudança do escalão de decisão sobre o “recall” que resolverá o assunto. No fundo, a Toyota desrespeita todos que não sejam internos de sua empresa, pensando que continuam sendo os melhores do mundo, quando já foram superados em muitos setores.

Ficou claro que não são especialistas em eletrônica embarcada, que é praticamente o que domina o controle de um automóvel atual. Certamente existem no Japão muitas empresas eficientes nestes segmentos, com o desenvolvimento da mecatrônica, da nanotecnologia e muitos outros setores.

E quanto se instalam no exterior, como no Brasil, seria interessante ouvirem mais sobre as experiências de outras empresas, pois continuam defasadas em muitos conhecimentos específicos de países com outras características que as japonesas.

Imaginar que seus processos continuam sendo os mais eficientes do mundo, quando as condições básicas, as culturas empresariais, os recursos humanos, o meio ambiente político e social, entre muitos outros condicionantes são diferentes, parece um exagero que precisa ser revisto, radicalmente.

Os processos da Toyota eram importantes dentro da Toyota. Quando dependem de fornecedores e outros recursos humanos, desejar repetir o que desenvolveram no Japão parece uma violência tão grande como ignorar as mortes que provocaram.

Seria interessante que os principais executivos da Toyota no Brasil, por exemplo, fossem brasileiros, como parece que são norte-americanos nos Estados Unidos, e com autonomia de decisão. O caso da Nissan mostrou que o país dispõe de executivos de nível internacional, adotando sistemas ajustadas às carências locais, como no caso da Embraer.


2 Comentários para “Toyota Continua Errando”

  1. Fabio
    1  escreveu às 01:17 em 14 de Março de 2011:

    Eu comprei um corolla seg e tirei zero no ano de 2009 o carro so me da dor de cabeca quebrou o ar queimou o xenon entortou o trilho do banco uma verdadeira b…. estou pensando em gravar um video e postar no youtube pra mostrar pra todos o que o corolla novo

  2. Paulo Yokota
    2  escreveu às 03:45 em 14 de Março de 2011:

    Caro Fabio,

    Lamentavelmente acontecem problemas com produtos de diversas empresas. Se tiver dentro do prazo de garantia, exija os seus direitos, pois não consegui entender se foi adquirido novo.

    Paulo Yokota


Deixe aqui seu comentário

  • Seu nome (obrigatório):
  • Seu email (não será publicado) (obrigatório):
  • Seu site (se tiver):
  • Escreva seu comentário aqui: