Tentando aproximar a Ásia da América do Sul e vice-versa

Limitação dos Conhecimentos no Mundo Atual

28 de novembro de 2011
Por: Paulo Yokota | Seção: Cultura, Editoriais, Notícias, webtown | Tags: , , , | 2 Comentários »

Para uma pessoa que se considerava razoavelmente informado sobre eventos e instituições importantes no Brasil e em São Paulo, acompanhando os noticiários dos jornais, revistas, rádios e televisões entre os meios de comunicação social disponíveis, confesso que tomei uma lição que me deixa humilde diante do meu imperdoável pouco conhecimento. Questionado por um jornalista inglês que trabalha para uma nova revista em São Paulo, em inglês, chamado Time Out, que já é tradicional em outras grandes cidades, visando informar os visitantes sobre eventos e instituições concretos, fiquei totalmente nu e surpreendido diante da minha lamentável ignorância.

Uma das questões referia-se sobre o Instituto Inhotim, em Brumadinho, Minas Gerais, na proximidade de Belo Horizonte. Ainda que a instituição seja um dos orgulhos do Brasil, contando com imenso acervo da melhor arte contemporânea, não só brasileira, mas mundial, um invejável jardim em dimensão gigantesca iniciado a partir de algumas ideias dadas por Burle Marx, ocupando uma área total de cerca de 100 hectares. Outra se referia a um evento chamado Toyo Matsuri, realizado pelos lojistas do bairro da Liberdade em São Paulo agregados na ACAL, que vem sendo realizado desde 1968, que confundi com outros festivais realizados no mesmo bairro.

59372bb74fcbfd6b7f4de7e8357035c41162407415_inhotiminhotiminhotim-cadeirasnolagoinhotim-matthewsdentrountitledbancos

Instituto Inhotim, importante pólo cultural brasileiro

06_parada_cosplay_1287364223100868_ba7e3ecce1taikotoyo

Toyo Matsuri, promovido pela ACAL

O mais imperdoável sobre os poucos conhecimentos sobre estes eventos é que muitos dos dirigentes do Instituto Inhotim são meus amigos, um há mais de 50 anos, como o meu colega economista, Cláudio de Moura Castro, presidente do seu Conselho Consultivo. Meu conhecimento sobre esta instituição é muito vaga e só uma pesquisa pela Google, facilmente acessível pelo site www.inhotim.org.br/ e a visita feita pelos meus familiares estão permitindo uma consciência mais clara de sua importância nacional e internacional.

Ainda que a fama desta instituição tenha se ampliado de forma a atrair visitantes que se deslocam especialmente para isto de São Paulo e outros lugares, permitindo importantes contribuições internacionais para o seu acervo, reconheço que pouco conhecia desta instituição que certamente vai merecer uma visita demorada. Lamento que minhas atenções tenham se voltadas para outros setores, deixando de perceber a sua importância no setor cultural e turístico brasileiro, falha imperdoável que necessita ser corrigida com urgência.

No bairro da Liberdade em São Paulo, hoje considerado oriental, os eventos começam já no dia 1º de janeiro, quando se produz o conhecido mochi, feito de um arroz especial e é distribuído à população como é do costume dos japoneses nesta data. Outro evento muito conhecido é o chamado Tanabata Matsuri, comemorado em julho, desde 1979. Ainda existe o Hana Matsuri, que comemora o aniversário de Buda em setembro.

Mas o Toyo Matsuri, organizado pelos lojistas do bairro, começou a ocorrer em 1968, num bairro que eu deveria conhecer mais cuidadosamente, por ter nascido quando minha família lá morava e onde passei uma parte de minha adolescência e juventude. Só posso atribuir estas falhas de conhecimento a grande especialização a que estamos sujeitos, pela incapacidade de abarcar todos os noticiários que chegam a todos nós, pelos meios cada vez mais diversificados.

Minhas mais sinceras escusas por estes desconhecimentos imperdoáveis aos responsáveis pelo Time Out, que com o seu profissionalismo acabam destacando fatos que nem os locais conhecem adequadamente, bem como aos dirigentes da ACAL.


2 Comentários para “Limitação dos Conhecimentos no Mundo Atual”

  1. carlos eduardo pereira
    1  escreveu às 19:38 em 30 de dezembro de 2013:

    Muito boa informação e conhecimento; todos deveríamos saber. Obrigado.

  2. Paulo Yokota
    2  escreveu às 09:08 em 2 de Janeiro de 2014:

    Caro Carlos Eduardo Pereira,

    Obrigado pelos comentários. Vamos continuar todos procurando ser mais modestos.

    Paulo Yokota


Deixe aqui seu comentário

  • Seu nome (obrigatório):
  • Seu email (não será publicado) (obrigatório):
  • Seu site (se tiver):
  • Escreva seu comentário aqui: