Tentando aproximar a Ásia da América do Sul e vice-versa

Aplicação dos Japoneses no Exterior

25 de Maio de 2016
Por: Paulo Yokota | Seção: Economia, Editoriais e Notícias | Tags: , ,

Os dados divulgados pelo Bank of Japan surpreendem quem pensava que os investidores empresariais e individuais japoneses eram bem comportados.

clip_image002

Gráfico e tabela publicada no The Asahi Shimbun

Como as autoridades japonesas procuram coibir investimentos japoneses nos paraísos fiscais, os efetuados nas Ilhas Caymans, conhecidas por esta qualificação, surpreendem os analistas. Uma parte é devido aos baixos juros praticados no Japão, que chegam a ser negativos atualmente, forçando as empresas e indivíduos japoneses a procurarem retornos mais elevados no exterior. Quando chega a cerca de 45% dos efetuados nos Estados Unidos, fica-se com a impressão de que algo esteja errado.

O impressionante é que os aumentos estão se acelerando nos últimos anos, com um crescimento de 20% em 2015 sobre o ano anterior nestas Ilhas Caymans, chegando a quase três vezes o da França.

Quando o Brasil pagava juros altos na última administração de Henrique Meirelles, e com as tendências claras de se manter o câmbio valorizado, estes investidores chamados Mrs. Watanabe obtiveram juros superiores a 15% ao ano, em dólares, no Brasil. Espera-se que isto não volte a ocorrer, pois são investimentos especulativos aceitando riscos elevados.



Deixe aqui seu comentário

  • Seu nome (obrigatório):
  • Seu email (não será publicado) (obrigatório):
  • Seu site (se tiver):
  • Escreva seu comentário aqui: