Tentando aproximar a Ásia da América do Sul e vice-versa

Perspectiva de Energia Renovável no Futuro do Mundo

13 de Fevereiro de 2018
Por: Paulo Yokota | Seção: Cultura, Editoriais e Notícias, Integração | Tags: , ,

Um artigo de Shigeru Kurokawa publicado no site do The Japan News informa sobre a possibilidade de em 2040 se produzir 40% de energia renovável e não poluente no mundo, atingindo-se a meta estabelecida no Acordo de Paris.

clip_image002

Gráfico constante do artigo no site do The Japan News, ainda que tenha um pequeno percentual da energia atômica

Com os dados de 2016 e as projeções para 2030 e 2040, verifica-se que está havendo um crescimento forte das energias renováveis, apesar das resistências de importantes setores como a indústria e petróleo no mundo. A reunião ocorrida em meados de janeiro último em Abu Dhabi, da assembleia da Agência Internacional de Energia Renovável – IRENA, apontou a aceleração recentemente observada no mundo. Observa-se que o aproveitamento da energia térmica está ganhando importância, o que não tem possibilidade no Brasil.

Observou-se também que o custo da energia solar com a escala que ganhou foi expressivo, devendo chegar a um terço do que era em 2016 em 2019. O custo mais baixo é o da energia térmica, que deve ficar em torno de um terço mesmo da solar. Também a energia eólica, notadamente na Europa, está sendo beneficiada por moinhos gigantes offshore.

O Brasil teria melhores condições do que os europeus para a energia solar e eólica, pois, além da intensidade da insolação nas regiões tropicais, os ventos são constantes tanto da terra para o mar como vice-versa à noite.

As interligações de grandes redes de energia elétrica estão permitindo captações em diversas regiões com características diferentes, possibilitando a intensificação do intercâmbio na Europa. Também há de se considerar que as baterias gigantescas estão melhorando em qualidade. Portanto, existem motivos para um otimismo relativo e objetivo nas gerações de energias não poluentes.



Deixe aqui seu comentário

  • Seu nome (obrigatório):
  • Seu email (não será publicado) (obrigatório):
  • Seu site (se tiver):
  • Escreva seu comentário aqui: